voltar à programação

Sinopse

Em 2017,  a  cantora  Letícia  Novaes  lançará  seu  primeiro  disco  solo,  enquanto  isso pesquisa sobre o caos e o cosmos, o início e o fim, deuses e deusas, erros e acertos. No intervalo das pesquisas, costuma cantar para fazer sentido.

Sobre a criação

2016. Estão dizendo que desde a morte de David Bowie no início do ano, um portal de maravilhas se quebrou. Veio golpe, veio Crivella, veio Trump. Há quem diga que isso não é o clímax, estamos só começando. Tememos ou rasgamos? Metemos o pé na porta ou voltamos para o sapato mesmo? Curiosa sobre calendários desde que se surpreendeu com 28 dias na folhinha de fevereiro, Letícia faz um show em alusão ao caos do ano em que tudo pareceu confuso e estranho.  O ano não acaba, uns formigam, outros cigarram.  O ano não acaba, temporada nebulosa.  O ano só começa artifício fogo fácil.  O ano só começa promessa goela abaixo.

Sobre a artista

Letícia Novaes é atriz, escritora, cantora e compositora da banda Letuce.  Lançou seu primeiro livro ‘Zaralha - abri minha pasta’ em 2015, pela editora Guarda Chuva.  Foi colunista do Segundo Caderno durante 6 meses em 2015. Participou de filmes, seriados e peças. Em 2017 lançará seu primeiro disco solo, produzido pela cantora Mahmundi.

Serviço

Teatro SESI - Centro
Endereço: Avenida Graça Aranha, 01 - Centro
Data: 17 de dezembro
Horário: 19h30
Duração: 60 minutos
Capacidade: 350 lugares

Equipe de criação

Cantora: Letícia Novaes
Produção: Rodrigo Bastos